Tag Archives: Estadão

Criatividade solta nos especiais da Copa

Eu não entendo de futebol. Mas sei como este esporte desperta paixão e envolve as pessoas. Convivo com vários apaixonados por futebol. Por isso, nem de longe quero dar a entender que se informar sobre a Copa do Mundo por qualquer um dos materiais abaixo é mais interessante ou emocionante do que acompanhar as partidas. Esclarecida esta questão, veja abaixo exemplos de especiais sobre a Copa do Mundo que se utilizam da visualização de dados de uma forma bem bacana.

Começando pelo espanhol Marca. A imagem abaixo é do calendário dos jogos. Mas vale acessar o site para ver o especial feito para a Copa com muitos conteúdos multimídia shows de bola.

O The New York Times está acompanhando as partidas com análise em tempo real e gráficos cheios de dados. Dá para ver os passes minuto a minuto, as áreas do campo em que a bola mais esteve, a quantidade de toques de cada jogador, entre outros. Deixo a opinião para quem realmente entende de futebol. Mas me parece que o material serve mais para uma análise pós-jogo do que algo para ser acompanhado durante a partida.

Há alguns dias o Estadão está com um infográfico interativo que indica onde jogam os atletas de cada uma das seleções. E não se contenta apenas com os dados desta edição da disputa. É possível comparar com as quatro copas anteriores. Eu, particularmente, não gostei muito da navegabilidade. Mas é riquíssimo em informações e muito bonito visualmente.

O El Mundo está com muitos materiais legais na sua seção multimídia sobre a Copa. No meu entendimento, nenhum deles é infografia em base de dados, mas valem muito a pena.

Conhece mais alguma peça legal sobre a Copa? Avisa aí!

Mapa interativo para “ver” os índices de homicídios

O exemplo de visualização de dados deste post é brasileiro. Faço buscas em sites jornalísticos de fora para tentar descobrir formas diferentes de visualização das notícias. Mas sempre gosto de ter exemplos que sejam o mais próximo possível da minha realidade. Gostaria de achar um bom caso tupiniquim para servir de análise no meu TCC, inclusive. Ainda não encontrei…

Buenas, o “Mapa da violência no Brasil 2010 – Anatomia dos homicídios no Brasil” é uma publicação do Instituto Sangari que faz um mapeamento dos homicídios no País. Aqui é possível fazer download da versão completa da publicação. Encontrei este estudo através do site do Estadão, que colocou no ar em março o mapa interativo que abre este post, e que deixa a consulta a estes dados bem mais interessante. Vasculhei o site do Instituto Sangari para conferir se a produção não era deles também. Como não encontrei no site, deduzo que seja criação do Estadão mesmo.

O mapa colorido se refere apenas à quantidade de homicídios em jovens entre 15 e 24 anos, faixa etária em que os números são maiores. O estudo fez o mesmo levantamento de outras idades também. Observe como o mapa muda de acordo com as cores selecionadas na lista ao lado dele. Também é possível pesquisar pelo nome das cidades e conferir a taxa de homicídios entre mais idades apuradas pelo estudo.